Em duelo disputado, Brasil e Holanda empatam nos Jogos Olímpicos

 Em duelo disputado, Brasil e Holanda empatam nos Jogos Olímpicos

Foto: Sam Robles/CBF

Em duelo disputado na manhã deste sábado (24), prevaleceu o empate entre Brasil e Holanda. Com gols de Debinha, Marta e Ludmila pelo lado das Brasileiras, o duelo válido pela 2ª rodada da Fase de Grupos dos Jogos Olímpicos terminou em 3×3. Confira o resumo:

Sobre o jogo

A partida começou com a Holanda abrindo o placar logo aos dois minutos quando Vivianne Miedema recebeu da direita, dominou e girou para bater de canhota para fazer Holanda 1×0 Brasil.

A Seleção Canarinha chegou ao empate aos 15 minutos: Após boa jogada pelo meio, Debinha passou para Duda na direita, que devolveu o cruzamento nos pés da nossa camisa 9. No primeiro chute, a zaga adversária cortou, a atacante aproveitou rebote e mandou para o fundo da rede: 1×1.

Foto: Sam Robles/CBF

Segundo tempo

Logo aos 12 minutos, a Holanda chegou ao segundo gol com mais um de Miedema, que aproveitou cruzamento da esquerda e tocou de cabeça para fazer Holanda 2×1 Brasil.

A Seleção amarelinha voltou a empatar aos 18 da etapa final! Após confirmação do VAR do pênalti sofrido por Ludmila, Marta cobrou com categoria, no canto esquerdo, para fazer Holanda 2×2 Brasil.

Aos 22 minutos, virada da Canarinho: Nouwen se antecipou a Debinha para cortar o lançamento na área, mas errou o recuo para a goleira. Ludmila, bem posicionada, aproveitou para driblar a goleira Van Veendendaal, tocar para o gol vazio e fazer Holanda 2×3 Brasil.

A Holanda empatou novamente a partida, após cobrança de falta de Dominique Janssen, aos 33 da segunda etapa. Após 5 minutos de acréscimos a arbitragem finalizou a partida: Holanda 3×3 Brasi.

Próximos jogos

O Brasil volta a campo nesta terça-feira (27), contra a Zâmbia. O jogo é às 8h30 (horário de Brasília) e será no Estádio Saitama.

Ficha técnica

Brasil (3): Bárbara, Bruna Benites, Érika, Rafaelle e Tamires; Formiga (Angelina), Andressinha, Duda (Andressa Alves) e Marta (Geyse); Bia Zaneratto (Ludmila) e Debinha. Técnica: Pia Sundhage

Gols: Holanda – Miedema (2’1T, 12’2T), Dominique (33’2T) / Brasil – Debinha (15’1T), Marta (18’2T), Ludmila (21’2T)

Estádio: Estádio de Miyagi

Edição: Fernanda Barros – @turbilhaofeminino

Fernanda Barros