Centro Olímpico: da “base forte” ao título nacional

 Centro Olímpico: da “base forte” ao título nacional

Foto: Leonardo Britos/ FPF

Ninguém questiona a tradição do Centro Olímpico nas categorias de base do futebol feminino. Entretanto, o que muitos fãs do esporte que passaram a acompanhar a modalidade recentemente desconhecem, é que no ano de 2013 a equipe paulistana conquistou o Campeonato Brasileiro na categoria adulto. Lideradas pela artilheira Cristiane, Gabi Zanotti e companhia, a equipe do então técnico Arthur Elias bateu um fortíssimo São José para sagra-se campeã brasileira.

Após uma primeira fase com 100% de aproveitamento, o Centro Olímpico se classificou para a fase seguinte e manteve uma campanha consistente somando quatro vitórias, um empate e uma derrota, terminando em segundo lugar no grupo, atrás justamente do São José.

Foto: Rafael Ribeiro / CBF

Nas semifinais, diante das paranaenses do Foz Cataratas o Centro Olímpico conseguiu o acesso à decisão em grande estilo, goleada de 5×1 dentro de casa obtendo um protocolar empate em 1×1 no jogo seguinte. Detentora de grandes títulos na base, a equipe da capital paulista estava prestes a disputar uma final inédita na sua história.

Emoções não faltaram nos dois jogos decisivos. Em duelo tenso diante das Meninas da Águia, as Meninas do Centrão, em casa, não saíram do empate (2×2). No jogo derradeiro, a vitória por 2×1 calando o Baetão em São José dos Campos trouxe o caneco para o Centro Olímpico de forma épica fora dos seus domínios.

Foto: Rafael Ribeiro / CBF

Finalizado o Campeonato Brasileiro 2013, a equipe paulistana somou dez vitórias, três empates e apenas uma derrota. Gabi Zanotti, em grande performance, terminou na artilharia do campeonato com 12 gols ajudando a escrever mais um grande capítulo da história desse time campeão dentro e fora das quatro linhas. Atualmente, a instituição esportiva concentra todas as atividades junto à base, contribuindo de forma efetiva na produção de novos talentos e colecionando diversas conquistas de forma contínua.

Edição: André Chagas – @turbilhaofeminino

André Chagas

https://twitter.com/andreelchagas

Carioca, profissional de marketing, jornalismo esportivo e locutor. Gerente de Conteúdo no TFF, idealizador do projeto Raça & Futebol, professor de geografia e um grande entusiasta do esporte.